Siga-nos

Fear

Autobut: “Nosso time tem um grande poder de fogo”

Jogador comenta sobre desempenho da Fear na LBFF

Quem está acompanhando a Liga Brasileira de Free Fire está vendo que a Fear mostrou uma evolução nas últimas rodadas. Apesar de estar fora do Top 12, a equipe se mantém como uma das principais a se aventurar na parte de classificação.

Quer saber mais sobre Free Fire? Curta e siga a nossa página no Facebook e também nos siga no Instagram!

+ Noise aumenta vantagem no penúltimo dia de final da Liga NFA
+ De LOUD a Corinthians: conheça as mansões das equipes de Free Fire

E toda essa arrancada tem uma peça fundamental: Italo “Autobut” Perrud. O jogador que, sozinho, fez 12 abates na rodada 12 da LBFF é o principal destaque da Fear na competição e dividiu com Genildo “Japa” Francisco a liderança de abates na rodada em questão.

Equipe teve arrancada nas últimas rodadas da LBFF. Foto: Divulgação/Garena

PALAVRAS DO JOGADOR

Mesmo com toda evolução que vem apresentando, Autobut acredita que sua equipe pode ter um desempenho melhor, basta ter “inteligência“:

Precisamos agressivar ainda mais, mas com inteligência, porque nosso time tem um grande poder de fogo” – disse em entrevista ao site oficial de esports da Garena.

O jogador ainda revelou o principal motivo pela demora que a Fear apresentou para começar a apresentar bons resultados na competição:

Mudamos recentemente para a GH e estamos nos adaptando ainda, faz pouco tempo que trocamos de capitão também

Basta ver uma queda em Purgatório que qualquer pessoa enxerga a facilidade que a Fear tem de jogar no mapa. Entretanto, Kalahari ainda parece ser o principal obstáculo para eles no torneio.

Nosso time tem muita facilidade em Purgatório e por nossas rotações serem mais rápidas estamos com dificuldade em Kalahari, não conseguimos encaixar nosso jogo ainda.” – disse.

Finalizando, Autobut falou sobre estar no “grupo mais difícil“. Comentou também sobre ter certa dificuldade em enfrentar o Grupo A:

Na minha opinião caímos no grupo mais difícil, mas o Grupo A é um dos mais difíceis de enfrentar porque nossas rotações sempre se encontram e eles estão muito bem na tabela, assim jogando mais soltos.” – finalizou.

A Liga Brasileira de Free Fire volta no próximo sábado (3), quando o Grupo A enfrenta o Grupo B, onde a Fear está presente. A Tropa Free Fire fará a cobertura de todas as quedas do fim de semana no Twitter e no Instagram.

Gamers Club
Fique por dentro de todas as novidades que a Gamers Club está trazendo para o cenário de esports.
Conheça a Gamers Club

Facebook

Veja mais