Siga-nos
Bruno Alvares & Jéssica Liar/Garena

Cobertura LBFF

LBFF: Mesmo sem BOOYAH, Vivo Keyd brilha na penúltima rodada; Fluxo faz dobradinha

Na zona de rebaixamento para a Série B, a paiN Gaming conseguiu fazer excelente campanha e sonha com a permanência

Mesmo sem conseguir nenhum BOOYAH nas quedas deste domingo (18), a Vivo Keyd foi a equipe que mais conseguiu pontuar após o término desta rodada, garantindo 66 pontos e subindo para a segunda posição da Série A da Liga Brasileira de Free Fire. Enquanto isso, o Fluxo garantiu a dobradinha e subiu para a quarta posição, praticamente garantindo presença nas finais.

Foto: Divulgação/Garena

No outro lado da tabela, com uma briga totalmente diferente dos times supracitados, a paiN Gaming conseguiu fazer uma excelente campanha que pode ser importantíssima para que o time consiga sair da zona do rebaixamento. Com direito a um BOOYAH, a equipe conseguiu somar 64 pontos e está a apenas 40 o último time que não cai direto para a Série B.

PRIMEIRA QUEDA (PURGATÓRIO) – NITROXX TOP10

Confirmando uma excelente apresentação na primeira vez em que disputou a elite da LBFF, a Nitroxx Top10 estreou na rodada garantindo o primeiro BOOYAH do dia. Em Purgatório, o time doutrinou com 10 eliminações e conseguiu cavalgar para a vitória depois de um excelente desempenho que garantiu uma boa pontuação para o time.

SEGUNDA QUEDA (KALAHARI) – SS E-SPORTS

Na briga pelo topo da tabela, a SS e-Sports conseguiu mostrar que segue muito forte e que brigará pelo título na grande final da LBFF. Jogando de forma segura, a equipe sobrou em uma verdadeira trocação da Vivo Keyd, que possuia a melhor posição em Kalahari, mas que acabou caindo para todos os adversários que terminaram com o BOOYAH.

TERCEIRA QUEDA (BERMUDA) – PAIN GAMING

Mostrando que tem de tudo para permanecer na Série A da LBFF, a paiN Gaming fez uma queda de impressionar e conseguiu garantir um BOOYAH de respeito. Além de jogar muito para terminar na primeira posição, a equipe também conseguiu acumular incríveis 13 pontos apenas com abates em cima dos adversários.

QUARTA QUEDA (PURGATÓRIO) – FLUXO

Campeão da última edição da Liga Brasileira de Free Fire, o Fluxo conseguiu voltar a garantir um BOOYAH depois de bastante tempo sem terminar na primeira posição. Em purgatório, o time de Bruno “nobru Goes e companhia sobrou contra a paiN Gaming e a SS e-Sports, mas obteve vantagem numérica para conseguir garantir sete abates e o triunfo na queda.

QUINTA QUEDA (KALAHARI) – INTZ

Querendo se firmar entre os times que vão avançar para as finais da Liga Brasileira de Free Fire, a INTZ conseguiu garantir uma queda espetacular para terminar com a primeira posição. Os Intrépidos simplesmente varreram Kalahari ao conquistar 15 eliminações, sendo nove delas nas mãos de Zaranha7 e conseguiu o BOOYAH.

SEXTA QUEDA (BERMUDA) – FLUXO

A última queda de um dos dias mais equilibrados da competição ficou nas mãos do Fluxo, que conseguiu garantir a dobradinha para fazer com que o time subisse ainda mais na tabela. Em Bermuda, a equipe conseguiu sete abates depois de jogar com paciência e fechou o domingo com chave de ouro.

Gamers Club
Fique por dentro de todas as novidades que a Gamers Club está trazendo para o cenário de esports.
Conheça a Gamers Club
Anúncio

Facebook

Anúncio

Veja mais

Mais em Cobertura LBFF